MENINA DE 7 ANOS INSPIRA-SE EM AVÓ COM CÂNCER E DECIDE DOAR OS CABELOS

Depois de ver a avó raspar a cabeça durante processo de quimioterapia contra um câncer de mama, a pequena Júlia Cabral, de 7 anos, decidiu doar os mais de 20 centímetros de cabelos cortados. As madeixas serão entregues não à avó, que começa a recuperar os cabelos naturais, mas a uma paciente que faz tratamento no Amapá contra a mesma doença, e também ficou careca.

“Minha filha me falou que queria cortar o cabelo da Júlia que estava muito grande. Eu logo sugeri que fizéssemos uma doação e elas aceitaram na hora”, contou a professora Maria das Neves Amanajás, de 56 anos.

“Depois que comecei a conviver muito com mulheres pacientes de câncer, percebi a angústia delas quanto a perda do cabelo, e a baixa auto-estima”, acrescentou a avó.

O corte do cabelo da pequena Júlia ocorreu no dia 27 de fevereiro. Segundo Maria das Neves, a doação será feita a partir de segunda-feira (7), inicialmente ao Instituto do Câncer Joel Magalhães (Ijoma), instituição que oferece apoio a pacientes de câncer no Amapá. Depois, o cabelo será entregue à paciente.

Câncer de mama
A professora descobriu o câncer de mama há um ano, em Macapá. Ela logo iniciou o tratamento na capital, passou por quimioterapia, cirurgia e fez a radioterapia em Belém. Ainda em 2015, ela raspou a cabeça, ficou careca, e conta que não deixou de lado a felicidade.

“Eu me sinto curada. Estou controlando, tomando uma medicação. Mas é aquela história, não posso vacilar. Mudei minha alimentação e estou sempre fazendo exames”, disse Neves.

“Aprendi que a gente não pode se entregar ao câncer. A família, amigos e a fé são fundamentais para levar o tratamento adiante. As redes sociais me ajudaram muito. Eu posso estar mal, mas sempre estou levantando o astral, sendo feliz”, concluiu a professora.

Fonte: G1