ESPECIAL DIA DAS MÃES: MARIA TEIXEIRA

Em janeiro de 2014 senti um nódulo na mama esquerda durante o banho. No mesmo dia procurei o médico, que me examinou e pediu a mamografia. Fiz o exame e o resultado deu normal, o médico falou que estava tudo ok.

Passaram uns 15 dias e eu voltei a procurá-lo, pois sentia me mal. Ele me pediu um teste de gravidez… Para a minha alegria deu positivo! Eu estava grávida! Queria muito ser mãe pela segunda vez, já que sou mãe de uma adolescente, e, aos meus 38 anos, minha segunda gravidez só trouxe felicidade!

O médico chegou a dizer que o nódulo na mama era por causa da gravidez… Aos 9 meses de muitas alegrias, em outubro de 2014 nasceu meu filho Rafael lindo, cheio de saúde! Amamentei ele até os 11 meses, mas eu continuava cismada com o nódulo, pensava que não podia ser normal.

Em Outubro de 2015, procurei o médico novamente, repeti os exames e também fiz biópsia. O resultado: eu estava com câncer… Só chorava, pensava na minha família… Meu bebê ficar sem mim, quanta tristeza… Mas pensei tenho duas opções: ou encaro o que vem pela frente na minha batalha ou desisto.

Resolvi lutar e lutei muito sem desanimar, pedi muita força a Deus. Foram meses de tratamento, fiz cirurgia, 16 quimios (4 vermelhas e 12 brancas), 20 rádios… Em Setembro de 2017 fez um ano que teminei o tratamento, Continuo tomando tamoxfeno por 5 anos e com exames a cada 3 meses.

Estou muito bem, curtindo minha família a cada segundo.